Relogio
..::data e hora::.. 00:00:00
Técnicos da Coreia do Sul marcam visita a Santa Catarina
28/03/2017 16:15 em Mundo

Técnicos da Agência de Quarentena Animal e de Plantas da Coreia do Sul sinalizaram que vêm a Santa Catarina em missão técnica de inspeção aos produtores de carne suína entre os dias 10 e 27 de maio. A visita marcará o início da última etapa de abertura do mercado sul-coreano para os produtos da suinocultura catarinense. A delegação incluirá a equipe Ministério da Segurança de Alimentos e Medicamentos do país asiático.

As informações foram encaminhadas à Secretaria de Assuntos Internacionais pelo embaixador do Brasil na Coreia do Sul, Luiz Fernando de Andrade Serra, nesta segunda-feira, 27, e repassada ao governador Raimundo Colombo pelo secretário da pasta, Carlos Adauto Virmond. “A confirmação da vinda desta missão chega em um momento muito importante para Santa Catarina e será uma grande oportunidade para comprovarmos aos sul-coreanos e ao mundo o nosso compromisso com a sanidade animal, com a fiscalização sanitária e com a qualidade dos nossos produtos”, comemorou o secretário.

As inspeções e a habilitação dos fornecedores fazem parte da última etapa do processo de abertura de mercado, em paralelo com as consultas bilaterais sobre o modelo de certificado sanitário com base nos requisitos aprovados.

As autoridades da Coreia do Sul também informaram a inclusão de Santa Catarina entre os países e regiões subnacionais com autorização de requisitos sanitários e com permissão de exportação de carne suína e produtos derivados. A inclusão na lista é mais uma etapa vencida no processo de abertura do mercado. Em março, Ministério da Agricultura, Alimentos e Assuntos Rurais da Coreia abriu para consulta pública a minuta de requisitos sanitários negociados com o Brasil referentes à abertura do mercado à carne suína. A aprovação da minuta por empresas e entidades e o público em geral levarão à promulgação dos requisitos na Coreia do Sul, finalizando a sétima das oito etapas da abertura do mercado.

“Recebemos estas novidades com a sensação de mais um devir cumprido”, afirmou o secretário Virmond. Em 2016, os sul-coreanos já haviam sinalizado ao governador Colombo a intenção de comprar carne suína de Santa Catarina durante uma missão ao país. “Desde então temos acompanhando de perto a evolução do processo de abertura do mercado da Coreia do Sul, que irá coroar anos de muito trabalho e dedicação do governo e dos produtos do Estado”, completou.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Previsão do tempo em Jaraguá do Sul