Relogio
..::data e hora::.. 00:00:00
Vale do Itapocu terá circuito de cicloturismo
24/11/2017 09:15 em Esportes

 

 

Projeto do Vale dos Encantos Convention & Visitors Bureau envolve cidades da região no mapeamento e gestão do novo produto turístico.

 

Viajar utilizando uma bicicleta como meio de transporte. Sozinho ou em grupo, por meio de agência de turismo ou de forma autônoma, essa maneira saudável e ecológica de se fazer turismo atrai cada vez mais praticantes no Brasil.

Para aproveitar essa oportunidade e a vocação natural da região para os esportes ao ar livre, um projeto do Vale dos Encantos Convention & Visitors Bureau, em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Jaraguá do Sul e a AMVALI – Associação dos Municípios do Vale do Itapocu, vai mapear, sinalizar e divulgar um novo circuito de cicloturismo.

O Circuito Vale dos Encantos vai passar inicialmente por Jaraguá do Sul, Pomerode, Corupá, São Bento do Sul, Schroeder, Joinville, Campo Alegre, Guaramirim e Massaranduba, integrando-se a três circuitos já estabelecidos em Santa Catarina: Vale Europeu (Timbó, Pomerode, Indaial, entre outras), Araucárias (São Bento, Campo Alegre) e Costa Verde & Mar (Balneário Camboriú, Itajaí, Itapema). A segunda fase do projeto prevê ainda as cidades de Barra Velha, São João do Itaperiú e Luís Alves.

“Temos um potencial turístico muito diversificado, com atrativos culturais, religiosos, de negócios e de aventura. Esse projeto será um marco, porque nos coloca no mapa do cicloturismo nacional, atraindo turistas de alto poder aquisitivo e ajudando a divulgar a região”, comemora a presidente do Vale dos Encantos Convention & Visitors Bureau, Edilma Lemanhê.

O projeto, que vem sendo estudado há cerca de um ano, foi apresentado na reunião do Colegiado de Prefeitos da AMVALI em 22 de novembro. Pela proposta aprovada, a prefeitura de Jaraguá do Sul vai ficar responsável pelo levantamento técnico do circuito, produção do guia do cicloturista e parte da sinalização. As demais prefeituras cuidarão da sinalização em suas cidades, além do apoio no gerenciamento e promoção do circuito. Toda a gestão ficará a cargo do Convention & Visitors Bureau.

 

Potencial Econômico

O cicloturismo atrai uma diversidade de pessoas, de ciclistas experientes a iniciantes, mas o perfil médio do turista que vem pedalar em Santa Catarina é em sua maioria homens, de 30 a 39 anos, com curso superior completo e renda acima de 10 salários mínimos.

O cicloturista busca aliar o desafio de pedalar grandes distâncias a atividades de lazer, gastronômicas, além de utilizar a estrutura de apoio turístico existente, como hotéis, pousadas, agências, serviços de transporte, restaurantes, etc, o que gera impacto econômico direto com a visitação no circuito e exposição da região.

Na Alemanha, por exemplo, onde a prática é bastante popular, o cicloturismo movimenta 21 milhões de ciclistas em 150 roteiros pelo país, gerando um faturamento de € 5 bilhões por ano (aproximadamente R$ 20 milhões), valor semelhante ao PIB do turismo no Brasil.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Previsão do tempo em Jaraguá do Sul