Relogio
..::data e hora::.. 00:00:00
Juventus domina o jogo, mas fica no empate com o Marcílio Dias
29/06/2018 10:10 em Esportes
Foto: Lucas Pavin/Agência Avante!

Os três pontos na tabela de classificação não veio, mas os torcedores que estiveram no Estádio João Marcatto para prestigiar Juventus e Marcílio Dias, viram uma boa atuação do Moleque Travesso, que saiu aplaudido de campo, após o apito final. A partida disputada na noite desta quinta-feira (28) fechou a sexta rodada do Campeonato Catarinense da Série B. Com o resultado, o tricolor se mantém na quarta posição na tabela de classificação com 8 pontos e já pensa no seu próximo compromisso, neste domingo (1) no Estádio João Marcatto.

Confira como foram os resultados das outras partidas desta sexta rodada.

A partida

Trajado com o seu tradicional uniforme grená, com detalhes em branco, o Juventus, de Eduardo Clara alinhou com Iago; Marquinhos, Silvio Gomes, Miche Carioca, Iton (Léozinho); Anderson Pedra (C), Almeida, Tiago Amazonense (Napão); Cristian Roque, Raílson e Wendel (Coutinho). Por outro lado, a equipe adversária, ainda invicta na competição, foi a campo com Rafael Kahn; Bruno Santos (Sabiá), Igor, Rogelio, Andrei Alba (Daniel), Léo Rigo; Abner, Arthur Feitoza, Safira (C); Schwenck (Juliano) e Wilson Júnior.

Os dez primeiros minutos de partida, foram marcados pelo Juventus sufocando o Marcílio Dias dentro de campo. Com uma proposta de marcar desde a saída de bola do adversário, o marinheiro acabava cedendo a bola ao tricolor, que criava boas oportunidades de abrir o placar. Em uma delas, Raílson chuta forte de fora da área, exigindo de Rafael, uma defesa em dois tempos.

Acuado em seu campo, o Marcílio Dias chegou com perigo aos 15 minutos de jogo quando Abner, livre dentro da área chutou para grande defesa do goleiro Iago. Dois minutos depois, em linda jogada de Marquinhos, passando por três marcadores, ele inverteu o jogo para Wendel na ponta esquerda, que arriscou na entrada da área, mas a bola subiu demais.

Com a pressão do Moleque Travesso, a rede balançou aos 28 minutos. Em uma jogada dentro da área do marinheiro, ao melhor estilo "pivô", Cristian Roque serve Raílson que faz o seu quinto gol pelo tricolor e assume a ponta na artilharia da competição. Poucos minutos depois, Raílson tenta retribuir com passe "açucarado" para Cristian Roque, que domina e chuta a esquerda do goleiro Rafael, quase ampliando o marcador.

Confira o gol marcado pelo artilheiro Raílson

Em vantagem no placar, o Juventus viu o Marcílio Dias crescer nos minutos finais do primeiro tempo em busca do empate. Aos 44 minutos, após cobrança de escanteio pela direita, Schwenck cabeceia a bola no travessão do goleiro Iago.

O segundo período da partida começou movimentando novamente, mas o bom futebol, deu lugar as faltas e cartões distribuídos pelo árbitro Rodrigo D'Alonso Ferreira. A equipe de Itajaí chegava principalmente com Abner, mas a zaga tricolor, tratava de afastar o perigo. Aos 12 minutos, em ataque do Marcílio Dias, a tentativa de cruzamento na área tricolor foi tirada, sobrando a bola para o zagueiro Silvio Gomes que acionou Wendel para puxar um rápido contra-ataque e deixar Raílson em boa oportunidade de marcar, mas o zagueiro Léo Rigo conseguiu tirar a bola e mandar para escanteio.

Aos 16 minutos, Renê colocou mais poder ofensivo no Marcílio Dias, ele sacou Bruno Santos (2) e colocou Sabiá (9). Dois minutos depois, em cruzamento na área do Moleque Travesso, a bola cai nos pés de Schwenck que chuta e a bola explode na zaga Juventina, mas a bola sobrou para Abner que deixou um zagueiro no chão e mandou para o fundo do gol, empatando a partida. Aproveitando o momento na partida, o Marcílio Dias foi em busca do segundo gol.

Mas, quem chegou próximo de marcar o segundo gol foi o Juventus, aos 31 minutos, Cristian Roque, subiu sozinho para cabecear, mas a bola passou por cima do travessão. Aos 33 minutos, Abner tentou agredir Napão com um tapa no rosto e foi justamente expulso de campo.

Com a superioridade numérica em campo, não havia mais "pernas" para  o Juventus buscar o segundo gol. Já nos acréscimos, o relógio apontava 47 minutos quando Coutinho invadiu a área adversária, mas o chute saiu fraco e não ofereceu perigo Rafael. Após o apito final, o tricolor saiu aplaudido de campo pela atuação e entrega dentro das quatros linhas.

Veja como foi a cobertura da partida, minuto a minuto.

Ponto somado em casa

Apesar da boa atuação, o tricolor entrou em campo com o objetivo de conquistar os três pontos, mas somou apenas um. O técnico Eduardo Clara analisou a partida: "Nós fizemos realmente um bom jogo e contra uma das equipes que tem maior investimento nesta competição. Não se pode errar contra uma equipe como essa, por que cada erro, você dá a oportunidade do adversário tirar proveito. Conseguimos sermos fortes na defesa, no meio e na frente. Em termos de resultado, foi péssimo, queríamos os três pontos mas temos uma equipe aguerrida, que pode surpreender dentro da competição em momentos decisivos".

E como fica na tabela?

Com o ponto somado em casa, o Juventus chega aos 8 pontos e mantém a quarta posição na tabela de classificação. Quem lidera é o Fluminense com 14 pontos, seis pontos a mais que o Juventus. Faltando mais três rodadas para o fechamento do primeiro turno, o Moleque Travesso praticamente se despede da briga pelo título do turno.

Acesse a tabela atualizada após o fim da sexta rodada.

Operário de Mafra, no domingo

Pela sequência do campeonato, o tricolor volta a campo no próximo domingo (1), onde recebe o Operário de Mafra no Estádio João Marcatto às 15 horas. O adversário tricolor, apesar de amargar a lanterna da competição, conseguiu uma importante vitória sobre o Guarani, ganhando fôlego na parte de baixo da tabela. A partida terá cobertura do juventusjaragua.com, através do minuto a minuto e transmissão via YouTube.

Ficha Técnica: Juventus 1 x 1 Marcílio Dias

Competição: Campeonato Catarinense (2ª Divisão, 1ª fase, Turno).

Local: Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC).

Horário: 20h.

Arbitragem: Rodrigo D'Alonso Ferreira, auxiliado por Alex dos Santos e Johnny Barros de Oliveira.

Renda: R$ 4.955,00 (320 pagantes).

Juventus: Iago; Marquinhos, Silvio Gomes, Miche Carioca, Iton (Léozinho); Anderson Pedra (C), Almeida, Tiago Amazonense (Napão); Cristian Roque, Raílson e Wendel (Coutinho). (Técnico: Eduardo Clara).

Marcílio Dias: Rafael Kahn; Bruno Santos (Sabiá), Igor, Rogelio, Andrei Alba (Daniel), Léo Rigo; Abner, Arthur Feitoza, Safira (C); Schwenck (Juliano) e Wilson Júnior. (Técnico: Renê Marques).

Gols: Raílson (JUV, 28’/1T) e Abner (MCD, 17'/2T).

Cartões: Rogelio (MCD, amarelo, 6’/2T), Anderson Pedra (JUV, amarelo, 10’/2T), Marquinhos (JUV, amarelo, 19’/2T), Cristian Roque (JUV, amarelo, 34’/2T), Abner (MCD, vermelho, 34’/2T), Raílson (JUV, amarelo, 42’/2T) e Napão (JUV, amarelo, 43’/2T).

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Previsão do tempo em Jaraguá do Sul