Relogio
..::data e hora::.. 00:00:00
Kassner cria projetos para atendimento prioritário e benefícios para deficientes
01/10/2018 06:43 em Geral
 
 
O prefeito em exercício Anderson Kassner enviou à Câmara de Vereadores, nesta sexta-feira (28), três projetos de leis destinados para atendimento prioritário em filas e à causa das pessoas portadoras de necessidades especiais em Jaraguá do Sul. Na parte da manhã, Kassner recebeu pais de autistas no gabinete e anunciou a elaboração das propostas. Antes de chegar ao Plenário para votação, as medidas devem seguir trâmite legal nas comissões permanentes do Poder Legislativo. 
 
Um dos projetos prevê a Criação da Carteira de Identificação do Autista (CIA), que poderá ser utilizada quando da necessidade desta identificação em comércios, repartições públicas, estabelecimentos de saúde, entre outros. 
 
O prefeito em exercício explica que a criação da carteira parte de uma provocação de pais e familiares de autistas que procuraram Anderson Kassner como vereador na Câmara. “O nosso objetivo é amenizar as dificuldades enfrentadas no dia a dia pelos autistas e familiares. Como não há características físicas perceptíveis aos olhos das demais pessoas, fica difícil a identificação da pessoa com autismo. Por isso a necessidade do documento.” Goiás é referência no país, sendo o primeiro Estado do Brasil a criar a Carteira de Identificação do Autista. 
 
Outro projeto estabelece prioridade no atendimento às pessoas idosas, portadoras de deficiências físicas, portadoras de autismo e gestantes em todas as repartições públicas municipais e nos estabelecimentos bancários e comerciais. “Ao investigar sobre as leis que regem o atendimento prioritário na cidade, descobrimos que não há lei municipal para essa finalidade. Portanto, decidimos criar esse projeto, incluindo as pessoas portadoras de autismo. O objetivo é facilitar a vida dessas pessoas, garantindo seus direitos”, afirma o prefeito em exercício. 
 
O terceiro projeto inclui, no calendário oficial do município, o Setembro Branco da Inclusão. O prefeito em exercício explica que o objetivo é conscientizar sobre a inclusão social da pessoa com deficiência. Todo ano, no mês de setembro, o governo vai promover uma programação, com palestras, workshops, feirão de empregos, entre outras atividades, voltadas à pessoa com deficiência, para levar conhecimento sobre todos os tipos de deficiência e dar visibilidade às causas dos deficientes.
 
O mês de setembro foi escolhido em razão do Dia Nacional de Luta da Pessoa Portadora de Deficiência, celebrado no dia 21 de setembro, e instituído pela Lei Federal Nº 11.133/2005. 
 
Uma das mães participantes da reunião com o prefeito em exercício, Adriana Cecília Deretti Blind avalia que os três projetos vão ajudar a amenizar as dificuldades enfrentadas pelos autistas. “A carteira é muito importante porque muitas pessoas por falta de informações julgam de forma errada. Quanto mais conhecimento melhor será o relacionamento dos autistas na sociedade”, diz. 
Simone Jesus Vicente também participou da reunião com o prefeito em exercício. Segundo ela, as propostas são ótimas iniciativas. “Acredito que vão avançar rápido na Câmara.” Adriana também agradeceu pela iniciativa de Kassner. “É uma alegria para todos nós. Agradecemos ao prefeito pela atenção, carinho e atendimento rápido.”
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Previsão do tempo em Jaraguá do Sul