Relogio
..::data e hora::.. 00:00:00
Aplicativo Meu CadÚnico orienta sobre atualização cadastral
11/07/2019 13:04 em Geral

 

O aplicativo foi desenvolvido pelo Ministério da Cidadania, é gratuito e está disponível para download nas lojas Google Play e na Apple Store.

O Ministério da Cidadania disponibiliza às famílias integrantes do Cadastro Único da Assistência Social o aplicativo Meu CadÚnico, que disponibiliza mensagens direcionadas com orientações para a atualização cadastral.

O Meu CadÚnico é um aplicativo para uso em telefones celulares e tablets que permite consultar se uma família está inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, verificar o Número de Identificação Social (NIS) das pessoas que constituem a família e ainda obter o comprovante de cadastramento. Segundo Ministério, já foram emitidos, pelo aplicativo, mais de 400 mil comprovantes, desde sua criação em julho de 2018.

O objetivo é tornar esse processo de comunicação mais ágil, uma vez que ele apresenta mensagem que orienta o cidadão quanto aos procedimentos a serem adotados nesses casos. Além disso, as famílias que usam o aplicativo ficam sabendo das pendências de maneira imediata.

Já são mais de 6 milhões de famílias incluídas nos processos de Averiguação e Revisão Cadastral e, através do aplicativo, recebem mensagens direcionadas com orientações para a atualização cadastral.

Para acessar o Meu CadÚnico, a pessoa cadastrada deverá informar o nome completo, a data de nascimento, o nome da mãe e o estado onde foi realizado o cadastramento. Quando se tratar dos dados de uma pessoa que desconhece o nome da mãe, ou seja, quando a informação registrada no Sistema de Cadastro Único for “Não sabe”, o campo “Nome da Mãe” deverá ser deixado em branco.
A Assistente Social e responsável pelo Cadastro Único e Programa Bolsa Família da Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, Rafaela da Silva Ferreira, “os dados deverão ser exatamente iguais àqueles cadastrados na base do Cadastro Único. Caso contrário, o aplicativo apresentará a mensagem de erro ‘Pessoa não localizada no Cadastro Único com os dados informados’”.
É importante saber que o aplicativo apenas localiza pessoas cadastradas há, pelo menos, 45 dias. Pessoas com cadastros realizados há menos de 45 dias poderão solicitar o comprovante de cadastramento nos postos do Cadastro Único no seu município.
Em alguns casos o App poderá indicar a ocorrência de Pendências. Essas pendências podem ser relativas às verificações realizadas pelo Ministério da Cidadania quanto aos dados de renda informados pela família em relação a outras bases de dados do Governo Federal, isto é, ao processo de Averiguação Cadastral, bem como podem ser referentes à inclusão da família no processo de Revisão Cadastral, indicando que a família está com os dados desatualizados.
“Quando o cadastro da família apresentar pendências, é necessário o comparecimento do Responsável Familiar aos postos de atendimento do Cadastro Único para realizar a atualização cadastral”, explica Rafaela.
Para saber quais são as pendências cadastrais relacionadas ao cadastro da família e obter orientações quanto aos prazos e procedimentos necessários para regularização do cadastro, basta clicar na opção “Pendências”.

Entre as funcionalidades do aplicativo estão a emissão de Comprovante de Cadastramento, localização do CRAS e apresenta as principais informações sobre os programas do Governo Federal, como regras para acesso.

 
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Previsão do tempo em Jaraguá do Sul