Relogio
..::data e hora::.. 00:00:00
Passaporte carimbado pela Ciência
06/08/2019 15:11 em Tecnologia
 
 
Aluna do Jaraguá 84 foi destaque com pesquisa agrária e ganhou credencial para fórum internacional
 
A estudante do 7º ano da Escola Luiz Gonzaga Ayroso, Bruna Leticia Leutprecht, 12 anos, voltou da Mostra Internacional Científica e Cultural (Mocicult – de 21 a 26 de julho), no Rio Grande do Norte, com quatro premiações. Na categoria ensino fundamental ela ganhou primeiro lugar em Ciências Agrárias, Rigor Científico, credencial para o Fórum Internacional de meninos e meninas na Ciência e credencial para a Mostra Experiência Aberta, que acontecerá no Rio Grande do Sul no ano que vem. Também será em 2020 a participação de Bruna no fórum organizado pela Associação Mundial de Feiras Internacionais (Wifa), com local a definir. “Ou será na França, ou na Bélgica ou na Tunísia”, explica a aluna, feliz em descobrir um mundo inteiro dentro da Ciência. As despesas com passagem e hospedagem da aluna e do professor à Mocicult foram bancadas pela Secretaria de Educação.
 
O trabalho apresentado pela aluna - e orientado pelo professor de iniciação científica Jean Mary - que rendeu todas essas premiações foi A Influência das fases da lua no cultivo de alfaces. Cujo resultado, após cultivo das mudas, foi de que as fases da lua não influenciam no crescimento do pé e no número de folhas de alface produzidas. E isso não foi uma decepção para Bruna e Jean. Apenas uma constatação, que, inclusive, vai facilitar a vida dos agricultores na hora de semear o alface. “Meu pai cultiva alface lá em casa. Ele achava que era melhor plantar em uma determinada fase da lua. Agora já disse pra ele e meus parentes que não precisa esperar a fase da lua, pois todas as nossas mudas cresceram de forma igual. Na pesquisa o alface foi plantado no segundo dia de cada fase da lua, com a mesma quantidade de adubo e água. E todas as mudas se desenvolveram com o mesmo vigor”, explica Bruna.
 
O próximo compromisso da pequena cientista é a feira da Escola Luiz Gonzaga Ayroso, no bairro Jaraguá 84, onde estuda. A mostra acontece no dia 14 de agosto, quarta-feira, das 8h30 às 11h30 e das 12h30 às 16 horas. É aberta ao público e vai contar com a apresentação de 26 projetos. No mês que vem, de 9 a 13 de setembro, mais de 400 projetos serão apresentados no Movimento Jaraguá em Ciência. Um deles será o dos alfaces de Bruna, que já faz planos junto com o professor para continuar a pesquisa na área de raízes, com a cenoura.
COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Previsão do tempo em Jaraguá do Sul